img:Bitcoin
Bitcoin - BTC
€ 57.532,17 -0.7%
img:Ethereum
Ethereum - ETH
€ 3.169,59 -0.99%
img:Chiliz
Chiliz - CHZ
€ 0.147098 -0%
img:XRP
XRP - XRP
€ 0.588392 5.95%
img:Shiba Inu
Shiba Inu - SHIB
€ 1,88 38.38%
img:USD Coin
USD Coin - USDC
€ 0.931224441756 0.26%
img:Cardano
Cardano - ADA
€ 0.677768 5.5%
img:ApeCoin
ApeCoin - APE
€ 2,09 15.93%
img:Solana
Solana - SOL
€ 119,18 -3.68%
img:MANA (Decentraland)
MANA (Decentraland) - MANA
€ 0.638427664 3.11%
img:Bitcoin
Bitcoin - BTC
€ 57.532,17 -0.7%
img:Ethereum
Ethereum - ETH
€ 3.169,59 -0.99%
img:Chiliz
Chiliz - CHZ
€ 0.147098 -0%
img:XRP
XRP - XRP
€ 0.588392 5.95%
img:Shiba Inu
Shiba Inu - SHIB
€ 1,88 38.38%
img:USD Coin
USD Coin - USDC
€ 0.931224441756 0.26%
img:Cardano
Cardano - ADA
€ 0.677768 5.5%
img:ApeCoin
ApeCoin - APE
€ 2,09 15.93%
img:Solana
Solana - SOL
€ 119,18 -3.68%
img:MANA (Decentraland)
MANA (Decentraland) - MANA
€ 0.638427664 3.11%
Mercado Bitcoin
Mercado Bitcoin
a- A+

 

Minerar Bitcoin está duas vezes mais lucrativo

A mineração é uma parte crucial do valor do bitcoin hoje e, até à pouco tempo, quase 75% de toda a mineração era feita na China. Esta alta percentagem colocava a independência e descentralização do Bitcoin em causa. Contudo, a cruzada por Pequim contra as criptomoedas causou uma queda superior a 52% no hash rate do bitcoin, relativamente ao máximo histórico registrado em Maio, ao que se seguiu uma queda recorde de 28% na dificuldade de mineração.

Assim a mineração de bitcoin ficou duas vezes mais rentável, aumentando o lucro de €190 para €380, por megawatt-hora de eletricidade consumida.

Ademais, a migração da mineração de bitcoins para outros países ajuda a aumentar a descentralização do Bitcoin, retirando a qualquer governo, o poder de controlar a mineração e oferta do bitcoin ou outras criptomoedas.

Ainda que, a curto prazo, a repressão chinesa sob as criptomoedas cause uma pressão negativa no preço do bitcoin e na oferta das mesmas, a médio prazo levará a um mercado mais independente e robusto, não podendo ser controlado por governos mais musculados como o de Pequim.

Euro Digital : O que é?

Apavorados com a ideia de perderem o monopólio na emissão da moeda e com isso, a sua cruzada de endividarem os países da UE, o Euro Digital é a resposta do BCE ao potencial das Stablecoins se transformarem em moedas aceites no mundo inteiro.

A narrativa oficial do BCE, que o Euro Digital, sendo estável e protegido pelo Banco Central será a melhor moeda para a era digital, ainda que pareça uma boa ideia, na verdade não é!

Em primeiro lugar, com o Euro Digital todas as transações seriam públicas para o BCE. Tudo o que é comprado, tudo o que é oferecido, tudo o que é gasto, qualquer transação por mínima que seja, passaria a estar sob o escrutínio do BCE.

Isto seria o fim da privacidade para todos – nada iria escapar ao Big Brother de Frankfurt.

A cada vez maior atração que se sente na UE pelo controlo, domínio e poder, refletidos em confinamentos, vigilância estatal, limites de movimentos de pessoas, entre outros, cresceria de uma forma exponencial, quando toda e qualquer transação financeira estivesse a ser escrutinada pelo BCE e sabe Deus mais quem.

1984 não será uma distopia ficticía – será a realidade.

Em segundo lugar, o Euro digital não resolve nenhum dos problemas solucionados pelas  Stablecoins e outras criptomoedas. Ainda seria centralizado, controlado pelo BCE, sem nenhum limite de emissão, o valor completamente fictício, sem valor intrínseco ou escassez.

O Euro Digital seria apenas mais uma ferramenta da União Europeia para a atração a que nos referimos no parágrafo anterior.

A verdadeira ‘Atração Fatal’.

Não existem soluções centralizadas para o problema da moeda. A centralização é o problema.

 

Descubra mais sobre a Criptoloja e moedas digitais:

Destaques Autor
img:Mercado Bitcoin

Mercado Bitcoin